A Felicidade não se Compra (Frank Capra, 1946)

Clarence Odbody, A-S-2, é um anjo de segunda classe que, mesmo esperando 220 anos, ainda não conseguiu ganhar suas asas. Para ser promovido, ele tem uma missão: salvar George Bailey, que pretende atentar contra sua vida, em plena noite de natal. Essa é a sinopse do excelente filme de Frank Capra, “A felicidade não se compra”, de 1946. Com várias indicações ao Oscar, como direção, ator (para James Stuart), edição e som, injustamente, o filme não foi contemplado. Clássico de todos os tempos do cinema norte-americano, “A felicidade não se compra” é um primor em vários aspectos: pela adorável construção dos seus personagens, pelo humor suave e pela construção de seu roteiro. Capra foi colaborador nesta etapa, dando ao filme um roteiro onde o clímax é vagarosamente construído, explicando desde a infância a personalidade do personagem Bailey.

vlcsnap-179305

Em uma narrativa que apela constantemente aos flashbacks, a vida de George vai sendo contada, mostrando o porque, naquela noite natalina, os anjos são encarecidamente convocados para ajudá-lo. Todos rezam por Bailey, o benfeitor de Belford Falls. O personagem, dono de uma corretora prestes à falência, é personalidade muito querida na cidade, por seu caráter assintecialista e por ser um pai de família admirável. Nas mãos do vilão dr. Potter, ganancioso empresário que lhe aplica um golpe, Bailey enlouquece e resolve terminar com a própria vida.

vlcsnap-179895

É nessa hora que entra Clarence, para fazer um flasback de sua vida e demonstrar como seria a vida de todos sem que ele tivesse nascido. Os toques de humor de Capra são tão adoráveis que é muito difícil ficar indiferente. Humor que, aliás, é demonstrado desde a primeira cena, onde “Deus” conversa com os anjos, representados por asteróides no céu. Outra cena adorável que serve de modelo para o cinema de todas as gerações posteriores é “lass on the moon” (onde o jovem casal Bailey inicia seu romance).

vlcsnap-174256

“A felicidade não se compra” é um filme daqueles para terminar de assistir com um sorriso no rosto. Imperdível e recomendado para toda a família, ainda mais em uma época natalina.

Ficha técnica

Anúncios

Tags:

Uma resposta to “A Felicidade não se Compra (Frank Capra, 1946)”

  1. It’s a Wonderful Life « trajes lunares Says:

    […] https://telaplana.wordpress.com/2009/11/15/a-felicidade-nao-se-compra-frank-capra-1946/ […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: